CONCURSOS

Prefeitura divulga edital para concurso de procurador do município

Com remuneração inicial de R$ 15.520, inscrições iniciam no dia 8; taxa é de R$ 250
Da Redação

A Prefeitura de Palmas publicou no Diário Oficial do Município nessa quarta-feira, 25, o Edital 001/2015 para o cargo de procurador do município, ofertando três vagas para posse imediata, e 30 para cadastro reservas.

A remuneração inicial é de R$ 15.520,00, com atribuições e prerrogativas regidas pela Lei Municipal 1956/13. O concurso será regido por edital de responsabilidade da Secretaria Municipal de Planejamento, Gestão e Desenvolvimento Humano, elaborado pela Comissão Permanente de Seleção da Fundação Universidade Federal do Tocantins (Copese/UFT)

O procurador geral de Palmas, Públio Borges, conta que à exemplo de outros concursos realizados por esta gestão, este será mais um certame pautado pela eficiência do serviço público municipal, no qual todos os prazos serão cumpridos e os novos procuradores com certeza virão somar ao trabalho que vem sendo realizado pela Procuradoria.

Inscrições
As inscrições terão início no dia 8 dezembro, a partir das 10 horas, até o dia 12 de janeiro, às 23h59. As inscrições poderão ser realizadas apenas vis internet, por meio deste link. A taxa de inscrição é de R$ 250,00.

O certame será constituído por prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório; por prova discursiva, também elimitório e classificatório; e de avaliação de títulos, apenas de caráter classifucatório.

As provas Objetiva e Discursiva serão aplicadas nos dias 20 e 21 de fevereiro, respectivamente.

Conteúdo
A prova objetiva será composta por 60 questões em áreas de conhecimento, como Língua Portuguesa, Conhecimentos Regionais, Legislação pertinente ao Município de Palmas e Conhecimentos Específicos.

Já a prova discursiva será composta por quatro questões de até 20 linhas cada uma, com valor máximo de 12,50 pontos para cada questão e um enunciado para elaboração de Peça Prática Profissional de até 80 linhas, com valor máximo de 50 pontos, a partir de tema proposto pela banca examinadora acerca das disciplinas de Direito Constitucional, Direito Administrativo e Direito das Coisas. (Com informações da Secom Palmas)